4 de março de 2005

Mi casa, su casa!

Agora aqui em minha casa estamos vivendo num eterno episódio do People and Arts. aquele da reforminha.
Resolvemos, em família, reformar a frente da casa.
Quase sem dinheiro no bolso e com muito tempo e energia de sobra, compramos apetrechos e tintas para raspar, lixar, pintar o portão e as paredes.
Alguem já raspou um portão? É serviço de condenada a perpétua...ótimo pra passar o tempo e se enganar não pensando em estudar.
Especializei-me no tratamento de rodapés. Trabalho, só sentada.

PS: A Cris vai embora...não!
PS2: Bia, me conta !